A Batata Dourada

2009/09/05 - Já muitas pessoas ouviram falar do arroz dourado: é um arroz geneticamente modificado para produzir pró-vitamina A e assim ajudar a combater a cegueira e que, ao fim de mais de dez anos e muitos milhões de investimento, continua em desenvolvimento e não curou ninguém.
Mas agora ficámos a saber que nem sequer é necessário. Existem iniciativas no terreno que, com uma abordagem muito simples, directa e low tech, conseguiram já resultados notáveis. Uma delas é a que começou a ensinar (primeiro em Moçambique, a seguir noutros países africanos) a usar batata doce alaranjada em substituição da batata doce branca. A versão alaranjada, que é uma variedade natural, não transgénica, é muito rica em vitamina A e está a ser adoptada com grande entusiasmo - é até empregue para fazer pão. O sucesso foi de tal ordem que a organização envolvida, a Helen Keller International, ganhou a 3ª edição do Prémio da Visão da Fundação António Champalimaud (no valor de um milhão de euros).
Quando já há soluções simples, baratas, com provas dadas e prontas a usar, porque é que se continua a insistir no que é caro, ninguém quer, não dá nenhumas garantias e nem sequer está disponível?

Veja outras notícias sobre este trabalho e a atribuição do prémio:
Uma Batata Contra a Cegueira
Batata-doce está a Salvar Crianças da Cegueira

Gostaria de nos apoiar?

FALE CONNOSCO